Boquete Da Namoradinha Carinhosa

Boquete Da Namoradinha Carinhosa

Boquete Da Namoradinha Carinhosa

Ele também já estava deitado mas de lado olhando para nós, ela começou passando nas coxas dele e fez um comentário que ele era mais peludo que eu e que tinha pelos até na bunda, ele se deitou de bruços e carinhosamente ela foi espalhando por toda a bunda dele, subindo pelas costas e descendo até as coxas, percebendo que a rola do Silvio estava muito dura. Fez um boquete que, devido às circunstâncias, Adolfo poderia jurar que nunca tinha sido chupado tão bem!– Agora sou eu, deixa eu ver sua perereca!Ela abaixou a calça e a calcinha e ele ficou fascinado com a bundinha e a com a “perereca” dela, lisinha, toda depilada.

Nesta época meu pai já não era mais pedreiro e sim mestre de obras mesmo assim o trabalho ainda era pesado. Engoli um seco e abaixei o short junto da cueca. Um site de música e etc etc etc.

""Ola meu nome e Gabriel tenho 21 anos e os fatos que eu estarei contanto neste conto acontecerão entre meus 14 e 15 anoseu tinha 1,57 sim baixinho hehepenis 15,6 cm mais ou menosCorpo definido, tanquinho trincado Coxas grossas Bumbum empinado e durinho braços bem Fortesem fim, vamos começarquando eu tinha 14 anos e alguns meses eu me mudei de cidade para a cidade onde minha mãe morava e na nova escola conheci muitas garotas e uma me chamou a atençãoeu certamente não sei explicar o porque mas depois que eu a conheci descobri que ela era sádica tanto quanto eu era masoquista dez de pequeno eu sempre gostei de levar aquela arranhada nas costas das minhas namoradinhas e dos meus amiguinhos, mas esse assunto vamos deixar para outro contobom ela era baixinha sim mais ou menos alguns cm mais baixa que euela tinha cabelos compridos quase no bumbum coxas definidas cabelos castanhos com mexas naturais seios médios que cabem na palma da mão aim como amo peitinhos assim :3 heheh bundinha bem empinadinha e um rostinho lindo.

Num dado momento ele colocou minhas pernas sobre seus ombros, começou a lamber meu saco e meter a llíngua no meu rabo.