Casada Novinha Goza Rápido E Amante Não Dá Conta Veja Ela Pedindo Rola E O Cara

3 min

Categoria:

Tag: ,

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: ,

Casada Novinha Goza Rápido E Amante Não Dá Conta Veja Ela Pedindo Rola E O Cara

Casada Novinha Goza Rápido E Amante Não Dá Conta Veja Ela Pedindo Rola E O Cara

Não senti muita coisa, acho que ele estava vazio.

E ali ficamos ainda querendo mais, minha deusa interior pulsava, sugava, sozinha, pedindo, clamando por mais, desejando mais.

Vagarosamente foi descendo pelo peito, chegando ao meu mamilo e dando uma mordida de leve. Seu pau entrando e saindo da minha buceta, cada vez mais rápido e forte.

Apesar de não querer e de ser uma mulher casada direita eu fiquei chateada de ela ter chegado bem naquela hora, pois eu estava gostando de provocá-lo, de o ver procurando um jeito de se aproximar.

Jean chamou umas 3 vezes e nada dele atender, e então me disse:– Nossa Marcela, acho que o seu namorado bebeu demais.

Saí e para minha surpresa ela ainda estava nua, enrolada na toalha. Caio começo seu diálogo com o ruivo dizendo:– Tudo jóia Ewerton? Você viu Didi hoje?Sabe onde ele está?-Se você não sabe eu vou lá saber?Disse o ruivo evasivo e ignorante…– Talvez, afinal vocês estudam juntos e são amigos íntimos, bem íntimos. Ela ainda fez a gente prometer que nunca a trataríamos da forma como tratamos ali, a não ser, quando ela autorizasse.

Meu tesão aumenta rápido, uma mão coloca o indicador na minha boca, sedenta dele… Sedenta desses movimentos só que na minha boca, cheia de vontade.

Um dia, rolando um clima já no corredor, passa a novinha do nosso lado enfurecida. Meu corpo começou a ter movimentos independentes eu não conseguia pensar em nada, eu só queria mais e mais.

Já escrevi mto, vou contar essa e outras nos próximos.

Minhas aulas aconteciam no 10º andar e a faculdade dispunha de 3 elevadores.

Claro que concordei, quem aguenta ficar longe dele?""Ola, sou a babivadia, e hj vou contar uma coisa q me aconteceu a pouco tempoEu sou morena, e bem gostosa, e tmb lesbica, uma vez, eu e uma amiga minha (n vou mencionar seu nome) combinamos de ir em um motel (tmb eramos ‘amantes’) ela e loira, e tem a pele bronzeada, tmb muito gostosa.

Lá já encontrei minha putinha safada agachada e chupando um pau imenso todo pra fora da calça, com ele sentado na cadeira, fardado. – Olha, querido, não têm mal nenhum isso.