Comendo O Rabinho Da Loira Bunduda

visualizações

5 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , ,

Comendo O Rabinho Da Loira Bunduda

Comendo O Rabinho Da Loira Bunduda

“Bom, nem eu”, pensei comigo mesmo. aproveitem entrem em contato tenho videos. A CACHORRA REALMENTE N SABIA O PODER DA MINHA LINGUA. Ela era loira, de boa aparência, muito bonita por sinal. Ele deu um gemido mais forte e apertou meu dedo com seu esfíncter, Fui pondo e tirando, comendo ele com o dedo. Começamos a falar sobre a festa rave que ele iria em breve e usaria um RG falso, eu pedi para ele que me mostrasse tal RG, mas na hora não falei com nenhuma outra intenção, estava realmente interessada em ver. Esperei até ela liberar e começei a bombar devagar, que coisa gostosa, que rabinho apertado…Ela rebolava, gemia e pedia mais, eu já tirava o pau quase todo e metia rasgando, ela gritava sempre pedindo mais:-AAAHHHH…Isso tio! É para fuder mesmo…come o cú da tua novinha…AAAHHHMMM…Seu safado…não tem vergonha de comer o cú da sobrinha assim seu FDP! ME FODE TIO!!! Viu como sou uma putinha?Comecei a tirar todo o pau para fora e meter com força, cada vez que tirava me assustava com o cú dela arrombado, um buraco enorme todo vermelho e inchado, meu pau todo melecado tinha pequenas marcas de sangue, a menina estava arrombada e quase gozando, o castigo não durou muito e ela gozou mais uma vez de maneira escandalosa, tremeu toda e gritou muito, quase desfaleceu. Sandra ficou assustada e disse:-Eles vão querer te comer!!Rebeca: -Eu deixo! Tu viu o pau daquele negão??E foi! Eu deixei. Ela tomou um banho,colocou um robe tipo camisola,e estava muito cheirosa. -minha voz suou toda maliciosa-Vamos lá Querida. Eu já estava lá entretida em conversas com caras querendo isso ou aquilo, quando me chamou a atenção um nick que entrara na sala – NegãoGG PR – Tenho uma queda por negros principalmente pela óbvia diferença de tamanho de seus dotes… rs… Eu estava logada como CdBunduda GG –Passaram-se 10 segundos e ele me chamou no chat:– Boa noite BB, adoro um rabão…Senti de imediato um frio na barriga… Respondi sem hesitar:– Olá safado.