Comeu A Mãe Gostosa Do Amigo

visualizações

23 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , ,

Comeu A Mãe Gostosa Do Amigo

Comeu A Mãe Gostosa Do Amigo

No sofá, sem a parte de baixo, minha mãe no notebook e se masturbando.

Ele dava tapa no meu rabo, metia muito eu ja tava louco, meu pau tava duro ele me punhetando,eu gemendo choradinho, mandando ele me fuder, ele falando toma putinha, ele enfim gozou ai o meu veio junto, cai quase desfalecido, mas nao deu tempo Renato ja tava duro de novo e me comeu outra vez sem dó, me colocou com as maos na janela e foi fundo, as pessoas passando na rua e eu metendo, gozou de novo na minha boca. – Ah eu era e acho que sou ainda como você, prefiro conversar com pessoas com gostos em comum, principalmente assuntos ligados a livros e como você perguntou sim, eu estou lendo pela segunda vez na verdade, acho a maneira de escrita dele muito interessante e até mesmo provocadora.

Ainda abraços, encostamos a cabeça um no outro e voltamos a invadir a boca um do outro.

O padre disse que ela poderia voltar pra conversar se ela quisesse ou precisasse. HOSPEDADOS NUM HOTEL, LIGAMOS PARA UM AMIGO QUE LÁ MORAVA E QUE NÃO VÍAMOS HÁ UM BOM TEMPO. Sentei em frente ao telão onde estava passando aqueles filmes clichês pornô. Passou a perna sobre mim, esfregando seus peitos e a barriga cheia de porra em cima de mim.

Ela começou a me beijar e acariciar, eu fui ficando com tezão e ela acabou me convencendo a desistir da ideia.

21 anos, loura, corpo escultural, depois daquela “ficada” com o Adolfo aí que ela não deu bola para mais ninguém. No dia que comprei, eu fiz um pedido de várias coisas grandes, dois plugs grandes, um plug inflável para dilatação, esse dildo e uma tanga fio dental masculina. É tão gostoso tocar minha xaninha lendo e imaginando que sou eu que estou sendo fodida com gosto… Isso me inspirou a escrever e partilhar minhas próprias histórias para que outras se sintam tão putinhas e gostosas como eu me sinto lendo esses contos.

Quando o bebê nasceu, ele estava lá e passou várias noites com eles, sempre em “viagens acadêmicas”.