Cuzão Gostoso De Coroa

Cuzão Gostoso De Coroa

Cuzão Gostoso De Coroa

Fui arreganhando ela a cada enfiada que eu dava naquele rabo e, ao me dar conta de tudo aquilo, gozei dentro daquele cúzão arrombado gostoso.

Faz alguns anos que tenho um amigo chamado Leandro (nome fictício). – Tá gostoso, amor, mete muito, quero gozar…ahhhhhhhh…. E de camisinha colocada, fui sentido a cabeça daquele mostro entrar e rasgar minhas pregas quase virgens.

Só que quando eu vi o viado se abaixando pra engolir aquela vara eu não agüentei e gozei como um vulcão, gemendo alto e tremendo inteira pra eles me ouvirem.

Ao chegar na casa dele ele não estava, tinha saído para compra cerveja e comida para o almoço, estava apenas sua bendita mãe, uma coroa loira muito gostosa, totalmente em forma, com uma bunda enorme e coxas deliciosas.

Queria sentir aquele pau gostoso socando com força minha bucetinha. Mesmo com a negativa eu não desisti e fiquei insistindo até que ela se deitou com a cabeça para o meu pau e chupou bem gostoso. Ruddi vigorosamente me segurou pela nuca e me beijou avidamente me sugando a respiração e a saliva com aquela boca carnuda faminta!Sua rolona que já estava encaixada entre minhas coxas deu um impossível pulo dentro de suas calças fazendo eu sentir uma leve umidade escorrer de minha bucetinha para baixo de minhas bem torneadas coxas!!-O quêêê…voxês eechstão… fazeeen…do?Levamos um susto e descolamos os lábios e fitamos Gil, agora esparramado no sofá, e antes que falássemos qualquer coisa, sua cabeça tombou pra trás de encontro ao encosto do sofá, dando um ligeiro suspiro e parecendo que roncava. Eu percebia que elas tinham medo de serem rotuladas, e minha mãe me confirmou isso quando se explicava tentando se justificar, dizendo que não era uma piranha que dava pra qualquer um, que tinha desejos, e que via na gente uma forma saudável de realizar suas fantasias sem se arriscar, já que meu pai não topava nenhuma aventura. Às vezes passava longos períodos sem masturbar meu cu e via a dificuldade que era retornar a rotina de um cu ativo, dolorido as vezes, mas feliz. "Começo me descrevendo, tenho 25 anos, loiro escuro e 1,85 de altura e esse conto é real.

-Mas então é só isso, agora irei para casa jantar, e você vá fazer companhia a seu esposo…– Para o inferno seu encubado!Faça um favor para mim,depois como quem não quer nada,vá “assuntar” lá com Ewerton para ver o clima dele.