Fudendo Minha Vizinha Safada

5 min

Categoria:

Tag: ,

visualizações

5 min

Categoria:

Tag: ,

Fudendo Minha Vizinha Safada

Fudendo Minha Vizinha Safada

"rápido fiquei em baixo, ela ficou sobre mim e ele já foi enfiando a pica nela, eu fiquei ali um tempo lambendo o grelhinho e vendo o entra-e-sai do pau dele, ela gemia alto e mandava eu chupar com vontade, eu adorei a posição, depois eu sai e eles continuaram fudendo, ele deitou ela é fez ela abrir as pernas o máximo que ela pode, ela sempre me chamando de corno, ele ficou metendo com força, era uma delícia ficar ouvindo o barulho da pica entrando na buceta dela toda melada, ele tirou de dentro e gozou sobre a buceta dela que em seguida fez questão de lamber o pau dele gozado, em seguida ela pediu que ele se retirasse, ele atendeu e foi, deixei ele na porta e voltei rápido pro quarto, ela falou com a cara mais safada…”sou toda sua meu corninho”…caí de boca e xupei toda a buceta dela que estava toda melada…adorei limpar tudinho…essa foi nossa primeira aventuraNão sei porque aquilo me deu um tesão da peste! Percebi que aquela foda tinha sido pela tarde quando eu estava no trabalho.

Não perdi tempo, agarrei ela pela cintura puxando o seu corpo contra o meu e disse baixinho no seu ouvido:Ela da um sorriso e diz:Tirei sua blusa e sutiã e, comecei a apertar e lamber aqueles lindos seios enquanto me masturbava vendo a carinha de safada de Bia. Fernando o viadinho menor apaixonou-se pelo picudo do peão da fazenda vizinha, Raimundo era a paixão e o fogo de Bené um não podia ver o outro, a porra pegava, eu não escolhi queria Bené, depois O Padre, depois os 4 peões só pra mim e vejam só o que sobrou; meu tio foi se apaixonar pelas minhas pregas pior vivia implorando para me comer em qualquer lugar, não se importava queria chupar lingua em qualquer lugar passava a mão tive que usar o plano B comi o viado veio fui obrigado, sapequei a pica no rabo dele gravei e ameacei divulgar. Dessa vez, eu me levantei sobre o pinto, juntei o máximo de baba que pude e cuspi bastante saliva em cima da cabeça e da minha mão direita que abraçava aquela delícia.