Gozando Na Boca De Uma Amante Na Casa Dela

5 min

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

visualizações

5 min

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

Gozando Na Boca De Uma Amante Na Casa Dela

Gozando Na Boca De Uma Amante Na Casa Dela

Disse ainda pra amiga que estava sozinha com colega de serviço e que algo poderia acontecer”.

"Ola leitores!Conheci através de uma rede social,certa garota,que beleza se vê em seu sua de pele de tom claro,seus cabelos acobreados, não muito alta,seios pequenos e pernas grossas. A partir daí falei várias vezes com ele, às vezes para desabafar… e começámos a entender-nos muito bem.

Tentei come-la naquela noite mas ela não quis, por que será não é mesmo? Acabei batendo uma punheta e gozando pensando no chefe a possuindo. – Disse o primeiro a apresentar a pica para fora. Ela saiu e eu entrei no chuveiro. Todos estavam meio constrangidos, sem saber direito como seria a coisa. Será que tem “uma” amante ou” um” amante?Quando acontece dormimos juntos.

As horas demoravam pra passar, e eu não sabia direito o que me esperava. Foi tao ddesesperador quanto delicoso, alem de grande a espessura dele é avantajada hehe chupei ele uns 20 minutos, fazia movimentos giratorios e lbia da base ate a cabeca, colocava metade na Boca e punhetava jubto com minha lingua huum, eu nunca tive tanta vontade de chupar um pau, e ele ja conhecia mesmo meu menino hehehe, quando eu chegava bebado em casa ele me punhetava e eu nem lembrava no outro dia, mas essa ja e outra historia. Chegando bem próxima a mim ela disse: “Você deve valer muito a pena, para ele ter aberto uma exceção como essa”.

com"Última parte de:1) Fazendo a alegria do PeãoEntão, o caso segue com as intervenções diárias. E ele veio de mansinho como um gato mesmo….

Milena sentou ao meu lado na piscina e por um impulso coloquei a mão na coxa dela. Ela notou o rosto dele pelo reflexo do espelho e se levantou devagar, passou a mão no corpo.

Ele esperou a dor passar e foi bombando, primeiro devagar e depois forte. Mia então rodou pelo quarto, chegou até a porta e voltou falando baixinho algo que só poderia sair da boca dela.

Nossa! Tava uma encoxada maravilhosa! Começamos a nos mexer diferente, nos esfregando, meu pau completamente ferrado. Afinal, era uma festa, não era?E na dança, já começavam as trocas dos casais, se bem que não de forma definitiva.

Pois bem, Karine e eu fomos buscar minha amiga Érica na rodoviária, que ficava perto de nosso apartamento.