Gozando na cara da Gordinha

Gozando na cara da Gordinha

Gozando na cara da Gordinha

-Você sabe que sim né… – Disse Isa alisando o peito do namorado.

Espero que tenham gostado e,em breve,irei postar mais contos,sempre com relatos verídicos. Clarice acordou, sorriu ao ouvir o barulho do chuveiro e resolveu fazer um videotape do que acontecera no dia anterior, só trocando as posições.

Ele me encoxando, sentindo aquele pau quente melado e duro em meu rego. O frade perguntou se ela rezou muito ela disse que sim, mais ainda estava do mesmo jeito, tinha ate sonhado com ele nu.

O pau do Ivo nem baixou, e ele perguntou o que eu queria. Ficamos ali conversando e gostei da amizade que começava a nascer com Tatiana.

Só não levou um tombo porque Toni a segurou e não a deixou cair.

Gabriel já que seu pai esta aqui vou te pedir uma coisa vc so deixa se vc quiser ok? Sim pode falar. Falei de sacanagem: Minha filha, seu cuzinho parece que já levou muito rola hoje… ela riu amarelo e disse: Esse cuzinho é só você que come… Que safada!!… MAS meu tesão era demais… Não sabia porque!! Sabia que estava adorando ser corno.

perdão é só que por um momento achei que a entrevista estava perdida. Eu era uma criança gordinha e fui assim até os meus 9, 10 anos. Acabamos gozando juntos numa explosão de desejos realizados.

Ela tava me fodendo gostoso demais, puta que pariu, tava nos céus.

Eu sem pensar duas vezes sentei no sofá abaxei meu short botei meu pau pra fora e começei a bater uma punheta. Coloquei a cabeça do meu pau pra fora, e passei a cabecinha dele de leve na coxa dela, só pra provocá-la um pouco. Levantou-se e foi atrás e não demorou muito para as duas voltarem abraçadas e sorridentes.

Meu coração e minha xoxota estavam pulsando de excitação, e com certeza ele sabia que eu tinha visto o que ele quis me mostrar.

Meu pau entrou todo de uma vez, e eu comecei a meter, segurando seus peitos.