Loirinha Merceenaria Gemendo Na Minha Pica

Loirinha Merceenaria Gemendo Na Minha Pica

Loirinha Merceenaria Gemendo Na Minha Pica

Ficou feliz de encontrar um conhecido, ele estava indo embora, mas deu tempo de chupar o pau delicioso enquanto estava sentada em outro. Quando cheguei no bar elas estavam a minha espera, perdi o fôlego quando abracei a Loirinha toda pequenininha com o melhor perfume de todos. Estava adorando o que ele fazia e se soltou toda, gemendo bastante. Seu cuzinho, melado pelo lubrificante natural que escorrera de sua buceta e lubrificado com gel intimo, recebeu minha tora inteira, até o talo, ela fez uma expressão de que sentia um pouco de dor, mas nada insuportável. O safado me comeu de quatro do começo ao fim enquanto puxava meu cabelo, me chamava de vadia, batia em minha bunda e enfiava seu dedo polegar no meu cuzinho.

Então começamos a conversar, ele me olhou sério e disse que tinha que falar algo pra mim, e que caso eu não saísse correndo provavelmente nós íamos acabar nos relacionando serio. Da janela na lavanderia de minha área de serviço, eu avistava uma sinuosamulher. Não fico muito pequeno nem muito grande, é meu primeiro conto aqui, se tiver algum erro ortográfico peço perdão!– Tudo bem, já estou descendo. Senti as pregas se abrindo e uma queimação terrível no rabo, mas depois que a cabeça passou soltei um gemido alto como se estivesse sentindo o maior alivio que poderia sentir. Na certa ela já devia ter visto gente esquisita por ali, mas aquele “casal” batia o recorde… enfim, ela não estava li para julgar nada, cada maluco com sua vida! Indicou a suíte para eles e ela dirigiu até lá, saíram do carro, ela fechou a porta e entraram na suíte. Disse que ñ sabia o quanto gostava de mim,pensava q/ eu só queria brincar como as outras garotas,então ela havia percebido q/ eu á amava de verdade.

Olhava a todo momento para o Renato.

Dois tapas bem fortes na nádega direita. Minha buceta já estava começando a pulsar de excitação por ela. Acabei comendo ela nesse dia mesmo. – Também preciso de um banho.

Ele deu umas boas lambidas nela e voltou a meter.