Ninfeta brasileira pelada em video porno caseiro

2 min

Categoria:

Tag:

visualizações

2 min

Categoria:

Tag:

Ninfeta brasileira pelada em video porno caseiro

Ninfeta brasileira pelada em video porno caseiro

Adivinhem pra quê?"(escrito por Kaplan)Quando anoiteceu eu pegue um vinho que trouxe da cidade; fui para sala e comecei a beber, tomei o vinho quase todo, Como não tinha televisão, e nada pra fazer, fiquei olhando revistas pornô e acariciando meu cassete e minhas bolas,o meu pênis 20cm,não é grande para o meu tamanho mais é bastante grosso, meus testículos são grandes demais,teve um crescimento anormal na infância,tanto dos testículos como do saco escrotal,as vezes quando não uso cueca sento no próprio saco rsrsrs, mais sem problemas, quando fiz sexo pela primeira vez, fui bastante elogiado, até hoje todas as mulheres que faço sexo com elas sempre me elogiam muito, meu pênis e meus testículos.

A garota era sapeca em relação ao assunto e quase tudo parecia ser ambíguo para ela, e devo confessar aqui que isso acabava reforçando meu imaginário, digo reforçando porque antes mesmo de ser safadinha sua aparência já colaborava para eu ter uma singela fantasia erótica com ela, pois Mia era uma verdadeira ninfeta bem magrinha e cheia de curvas, com seios pequenos e uma adiposa bundinha que me fazia pirar quando a rebolava. Talvez por isso sempre tive desejo em um dos caseiros da fazenda da minha familia. "Ola é a primeira vez que tomo coragem de falar sobre uma de minhas aventuras ,sou sp reg abc e tenho 38 anos casado e safado rsBom vamos ao que interessa quando eu estava fazendo supletivo a noite dei sorte de sentar bem no meio de 2 garotas ,uma de 22 anos e outra de 20 Eu sou um cara bem na minha tímido para ser mas sincero mas como vira e mexe tem q fazer trabalho em grupo vc acaba tendo mas afinidade com alguém e eu tive com a mayara uma morena linda com uns 1,60 m 52 kg cabelos compridos muito gostosinha ,e quando a aula estava chata ficávamos conversando sobre vários assuntos e ela tinha namorado e eu tb namorava nessa época e ficamos tão íntimos q começou a rolar papo de sexo rs ela é bem sfadinha pq tava qrendo comemorar aniversario de namoro num motel e falou da primeira vez dela e uma coisa me deixou excitado quando ela disse q fazia anal e me mostrou aquele gel KY disse q no começo era meio desconfortável e depois q começou usar gel ajudou e começou amar sexo anal e sempre fazia com namorado dela ,Vcs pensam q foi com ela minha aventura né rss mas não foi kkk fiquei bem amigo mesmo dela e só ,foi com a outra que sentava atrás de mim então continuando as monótonas aulas a garota q sentava atras de mim era um pouco tímida tb e teve um dia q ela levou uma maquina para escola e tava mostrando para Mayara fotos dela e para algumas meninas do lado e eu curioso quis ver tb né afinal adoro olhar fotos mas ela não quis me mostrar pq tinha algumas fotos ousadas nossa fiquei loko e perguntei mayara o q era ela disse q tinha foto dela pelada fazendo poses hummm quis ver d qualquer jeito e ae fui jeitinho e falei poxa mostra vai sou de boa sabe q não fico de conversas com as pessoas da classe ela olhou mayara e disse sera q mostro ?mayara respondeu mostra ele é confiável então ela deixou peguei a maquina e comecei olhar nossa ela estava D4 abrindo a xaninha outra de frango assado mostrando grelinho vermelho fiquei maluco e comecei a conversar mas com ela e peguei seu skype ela me passou e resolvi q tinha que comer ela então num domingo depois q fui na casa da minha namorada cheguei em casa e entrei skype ela tava online e puxei papo tipo como foi final semana e tal ela disse q não tinha feito nada e eu nada bobo resolvi dar uma breja perguntei mas o final semana não acabou vc quer fazer algo agora? ela não demorou e respondeu sim qro então vamos sair daqui meia hora passo ae sua casa então tomei banho peguei moto e fui casa dela ela veio me deu bjo rosto mas senti q ela qria q fosse na boca e falei de cara vamos lugar sossegado ok ela disse vc q manda falei ótimo. Morávamos em uma grande capital brasileira, em um apartamento de 50 metros quadrados e para meu desespero minha filha ganhou um poodle macho de presente, cachorro já da trabalho, imaginem dentro de um apartamento.

Ele terminou de me falar aquelas coisas e puxou a calça para baixo mostrando o pau dele, era muito grande, pelo menos para mim que nunca tinha visto um pau sem ser o meu mesmo ou em vídeos parecia enorme, um pau de um garoto de 16 anos era bem diferente do meu ainda sem pelinhos, fiquei sem ação, não conseguia parar de olhar, mas muito me senti ofendido também, não respondi nada, eu queria ficar olhando, na hora juro que pensei em dizer que iria, mas também não queria ser chamado de viadinho, putinho, putinha ou nada disso, o que o Maurício estava pensando.