Novinha deliciosa mostrando a buceta toda melada de tesão

327 visualizações

44 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , ,

327 visualizações

44 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , , ,

Novinha deliciosa mostrando a buceta toda melada de tesão

Novinha deliciosa mostrando a buceta toda melada de tesão

Ela ficou quieta por alguns minutos, ainda sentido os efeitos do orgasmo e alisando a buceta melada e alargada pelo tamanho do cacete que acabara de fodê-la, então levantou-se e pediu-lhe a calcinha, mas ele se negou, dizendo que seria uma lembrança, mas que se ela voltasse sozinha pra buscar ela a devolveria. COMO AVENTURA, TERIA BOAS HISTÓRIAS PARA RECORDAR!"Na sexta feira falei para ela se arruma bem gostosa que a gente vai sair a noite, saímos fomos ao um barzinho com musica ao vivo onde dar para dançar, eu sei que ela não aguenta muita bebida, bebe um pouco já fica toda sorridente se solta todinha, começamos a beber logo ele , ela estava uma delicia uma mine saia, sapatos altos, uma blusinha bem degotada, mostrando bem os seus seios volumosos, e as pernas grossa , estava bem gostosa mesmo, ele dançou com ela bastante eu só via os dois se esfregando e ele aceitando, o esfrega esfrega, fomos embora ela jã estava bebinha, chegou em casa foi direto para o banheiro tomar banho, saiu só de toalha, indo para o quarto disse estou esperando uns dois dois lá, eu disse ao meu primo para ir tomar banho , ele saiu do banho ficou meio sem graça, eu disse ela esta esperando um de nos dois vai na frente eu vou tomar banho, banhei-me rapidinho quando cheguei na pota do quarto escutei os dois gemendo,nossa estavam num 69,aquilo mexeu comigo gozei na hora, vendo pela primeira vez minha esposa com outro homem na minha cama, se chuparam por um bom tempo ate que escutei ela chamar vem Fernando vem, coloca este pau aqui dentro vem, ele chupando os seios dela começou a penetrar , nossa ela pedia devagar, devagar esta doendo, foi alargando aquela bocetinha, eu fui ver ela estava com as pernas transada na cintura dele e a rola todinha la dentro, nossa que visão maravilhosa’ ela rebolava que nem louca na rola dele e ele bombava forte, ate que gozaram, ele ficou alguns minutos deitado sobre o corpo dela com arola todinha lá dentro, levantou foi ao banheiro, eu fui perguntar se ele teria gostado ela disse nossa amor maravilhoso, nunca gozei tanto assim, e falou para mim chupar a boceta dela, eu fui bem devagarinho e comecei chupando o bem devagarinho ela disse vai amor chupa, eu cai de boca acabei chupando aquela porra todinha, ainda com a boca com porra ela disse vem aqui me beija, nossa foi uma delic ia acabei gozando ela me lambendo todinho e dizendo viu seu corno alem de emprestar a mulher ainda tomou a porra dele todinha, isso e que e corno mesmo, nisso ele chegou eu fui me lavar peguei um cerveja levei para os dois, e deixei os dois sozinho novamente, minha esposa me chamou e disse amor pega aquele creme que você usa para meter na minha bunda, seu priminho quer comer o meu cuzinho, passei o creme para ele, e começou a briga ate entrar aquela rola dentro foi um sacrifício, eu tentei ate impedir pois ela estava gritando muito, falei a ele que parece que ela não iria aguentar, minha esposa me fala, sai seu bobo, já entrou a metade agora o resto vai todinha e foi mesmo,foi ate o saco, ele arrastou ela para a beirada da cama colocou ela de quatro ele fora da cama e socava todinha, ele me disse olha priminho como vou deixar o cuzinho dela, e tirava todinha para fora e metia de uma vez ela gritava de dor e prazer ao mesmo tempo, acabou gozando no cu dela depois de um longo tempo metendo, quando ele tirou ate sangue saiu, nossa que delicia, eu gozei umas 5 vezes ela então nem sei desmaiou neste dia nem banho tomou só acordou no dia seguinte com um cheiro de porra, depois deste dia o restante dos dias que ele ficou em casa a gente metia toda as noite, ela ficou alargada mesmo, ele foi embora de vez em quando vem passar um final de semana em casa para foder com ela. Me deu vontade de me virar e fiz, virei de costa pra ele coloquei onde estava aquela piroca deliciosa e desci com minhas costas escorregando em seu peito e barriga, minhas mãos por trás segurava sua cabeça, levando sua boca no meu pescoço, enquanto suas mãos apertavam meus seios com os bicos sendo apertado pelos seus dedos, eu ditava oritmo da transa, nossos corpos já suados misturavam o perfume e cheiro do nossos corpos.

Quando levantei a Edinha me pegou pelos cabelos me puxando para si, já beijando e mordendo meu pescoço e com a mãe em minha buceta.

Foi um momento de muita excitação, eu ali, cheia de tesão e ao mesmo tempo morrendo de vergonha e pudor. Quando cheguei em casa comentei com o Cassius e ele me perguntou se eu toparia transar com ela se ela desse mole, fiquei sem saber o que responder, a garota desperta tesão em qualquer um, mas era diferente, era irmã da Paulinha, muito novinha (ia fazer 19 anos), sei lá mais o que.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (19 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...