Novinha Putinha De Manaus

64 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

64 seg

Categoria:

Tag: ,

Novinha Putinha De Manaus

Novinha Putinha De Manaus

Todas as posições, dupla penetração, 69, enfim me usaram como nunca havia sido antes. "Amanda: vivi, já viu putinha não pediu por rola?Vivi: nunca vi pq a minha sempre pede por mais né putinha.

"Sou um homem acima da media da maioria dos brasileiros, visitando minha vó em uma cidade do interior num dia de muito tédio, resolvi usar como distração meu celular através de aplicativo chamado imo, no qual notei que tinha uma pessoa diferente da minha usualidade, resolvi indagar para ver se conhecia, então para minha supresa era uma ex aluna de um tempos atras quando ainda era professor de ensino medio, bem que na epoca ja era super gamado nela pois alem de ser novinha tinha um corpo pelo qual sempre fui apaixonado, conversamos bastante pelo aplicativo, foi onde surgiu um boa oportunidade para comer aquela gostosa, “se um homem me deixa doida de tesão eu deixo ele fazer o que quiser comigo” quando terminei de ler isso resolvi conversar bem picante, dizendo a ela tudo que eu faria se tivesse ela por uma noite primeiro disse a ela q eu era dotado para nao ter susto, disse que começaria beijando o pescoço dela e apalpando todo o corpo dela encostaria ela na parede puxaria o cabelo dela e a comeria tão forte que ela não se lembraria que era comprometida. Moramos em Manaus e temos um sitio fora da cidade a 50 km.

– A cueca também! Achei que Luiz Paulo não ia tirar, mas tirou.

E de tanto ir ao apartamento deles, acabou se apaixonando pelo irmão, que era o oposto do Ataíde. Até que ela disse que se insistirmos naquilo ela iria embora. E eu não me cansava de ver as belas pernas dela, que sempre trabalhava de shortinho.

Imediatamente começaram a dançar a minha volta e passar as mãos pelo meus corpo. Eu arranquei minha saia e disse que se ele queria ver a mulherzinha dele bem ordinária, bem vagabunda, que nem puta de estrada era só ele mandar que eu faria, enquanto eu passava a mão no grelo.