Porno amador peludinha putinha dos sonhos socando no cuzinho largo do seu namorado de jacarepaguá – rj

Porno amador peludinha putinha dos sonhos socando no cuzinho largo do seu namorado de jacarepaguá – rj

Porno amador peludinha putinha dos sonhos socando no cuzinho largo do seu namorado de jacarepaguá – rj

Eu já ataquei tirando a parte de cima dela e chupando o seus seios que adoro ,deixei ela só de calcinha ela veio retribuir chupava de olhos fechados aquele boquete bem babado coisa gostosa,então foi a minha vez nossa eu amo fazer um oral adoro chupar uma xana ela apertava minha cabeça e tremia nossa aquilo me levava a loucura,ela ficou de 4 na berada da cama antes de penetra la eu chupei de novo e passava a língua no seu ânus,e comecei a penetra num vai e vem frenético mais com o dedo no cu dela ai tirei da buceta e coloquei no anus que já tava bem exitada com a situação então coloquei de vagar e aos poucos fui mais rápido ai ela deitou de barriga pra baixo e continuei socando ela urava chamava de gostoso e eu chamava de cachorra então tirei a camisinha e gozei na bunda dela.

Ela sentou-se na mesa e abriu as pernas, mostrando a xotinha peludinha e Norberto, encantado, ajoelhou-se e deu uma bela chupada nela. Depois disso me limpei e voltei a ficar de pau duro e cai em cima de minha esposa e fudi ela na posição papaimamãe, e enquanto eu comia ela, o travesti me enfiava dois dedos no meu cu e batia uma punheta no meu cuzinho, não resisti e gozei de novo.

Senti a língua dele invadindo minha boca, aquilo sim foi incrível, maravilhoso!Quando ele me largou e virou pra pegar a cueca e a bermuda.

Eu sempre tenho esses sonhos deliciosos, mas foi assim que decidi tentar ficar com uma mulher pela primeira vez… Eu sonhei com uma amiga minha, ela mais baixinha que eu e mais morena tb, tinha um bocão lindo e um corpo que eu invejava e desejava… Abraçava ela é bulinava… Hum era mt bom.

Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal.

Depois que terminamos de comer eu sugeri que fossemos tomar um banho antes de ver os filmes, pra cortar um pouco do efeito do vinho, eu e minha esposa tomamos banho juntos e Patrícia tomou banho depois de nós, minha esposa pôs um shortinho e uma blisinha de dormir e ficou sem sutiã por baixo, e eu fiquei só de cueca e um calção, Patrícia saiu do banheiro usando um baby doll branco de linho bem fininho e confortável, nós combinamos que eu escolheria um filme e patrícia escolheria um de pornô lésbico, nosso sofá tem formato de L e permite que deitemos nele, mas ficamos os 3 sentados com as pernas esticadas, sentou Patrícia no local do L do sofá, minha esposa no meio e eu no canto, bem perto uns dos outros e começamos a ver o filme, que durava uns 20 minutos. Pois foi o que aconteceu, já amanhecendo o dia, deitamos no colchão e trocamos as primeiras palavras dizendo como estava com saudades e todas essas melações de namorados apaixonados.

Eu te falei: agora quem vai gozar é o negão, porque to sentindo esta bucenta muito gostosa engolindo meu pau, vc: então goza negão porque já tá me fazendo gozar novamenteeeee!!! goza negão você vai gozar na buceta que vc tanto desejou e eu to aqui gozaanddoooo novamenteeeee!!!!! Eu gozei gemendo, uranno e ouvindo seus gemidos e gritos de gozosss, me chamando de safado e eu te falava: vamos sua putinha safadinha que gosta de uma pica e sabe o que é uma boa sacanagem!! gozamos loucamente, gritadamente, selvagemente,doidamente!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! VOCÊ É FODA SAFADINHA!!!!!!!!!!!!!!!! ME DEIXA DOIDÃO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!– Tá gostoso Marina?Fala sua safada!Fala que você está gostando,vai manda o meu maridinho me mostrar que você deixa ele com mais tesão do que eu! – Opa opa opa…era um desafio,pisquei para ela levantei da mesa, virei toda a cena eu com os peitos pra fora sem pudor algum,encostei ele de na parede dancei pra ele colada em seu corpo sentia o pau dele duro roçando em minha bunda, esse tesão inexplicável me transformou na puta que eles tanto procuraram em mim,e já que ela estava ali invocada por pedidos dela e dele resolvi me comportar como uma! Caí de joelhos, e chupei aquele pau de respeito como se fosse o último boquete da minha vida,deixei ele todo melado em varias lambidas, cuspi na cabeça, engoli até engasgar, e fiz de novo até não engasgar mais, sentia as mãos dele me forçando ao seu encontro,enrolando meu cabelo em seus dedos,e sendo chamada de sua putinha,que era assim que ele gostava bem obediente e sacana e cada vez que ele falava comigo eu buscava seu olhar, e nada mais delicioso do que encarar um homem que te excita no boquete,a Clara assistindo tudo se masturbando e soltando todas as putarias imagináveis:Marta, Deitada, na cama onde fora estuprada de forma tão selvagem pelos tarados sádicos, muito lentamente, estava saindo do estado de torpor e passou a chorar em desespero total.