Primeira Vez Da Esposa Com Outro Macho

visualizações

33 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , ,

Primeira Vez Da Esposa Com Outro Macho

Primeira Vez Da Esposa Com Outro Macho

Você se importa?"Ola pessoal, meu nome e Moreira, tenho 28 anos, sou evangélico, vou contar aqui o que aconteceu comigo quando eu trair minha esposa. com"Marcelinha, segurava os peitinhos de Claudia, puxava o seu cabelo e a beijava na boca, eu já estava quase explodindo, com a cena, meu tesão tava fora de controle, a Claudia pede para socar com tudo que ela ia gozar, soquei sem dó ela começou a gritar e chamar a Marcelinha de Putinha, ela gozou e eu encharquei a sua buceta de porra, devo ter dado umas oito jatos de porra nela, depois que tirei o pau para fora a Marcelinha perguntou se Claudia queria porra, ela fez com a cabeça que sim, Marcelinha ceio chupou a porra que estava escorrendo da buceta dela e foi beija-la para dividir a porra, pensei (pqp cara, nessa noite vou fuder elas demais…)Isa olhava diretamente para Gabriel, imaginava o tesão que o namorado devia estar sentindo participando pela primeira vez de uma suruba, ainda mais essa sendo em família, ela acelerou os movimentos com a boca no pau do tio e sentiu que o mesmo estava prestes a gosar.

rnQuando a cabeleireira, a costureira e a maquiadora saíram meu sogro então disse:rn-minha putinha vadia está linda vestida de noiva…sempre tive tesão de comer uma noiva antes do casamento e agora quero fazer isso…vem…putinha ajoelha na cama…vou te comer…bem gostoso…rnNa hr pensei em recusar…achei muita loucura…mas em segundos senti meu grelo latejar e toda safada levantei a parte de trás do vestido e fiquei de 4 na beira da cama e disse toda sensual:rn-vem…meu macho safado…tira o cabacinho da noivinha…vem…come sua putinha…bem gostoso…seu tarado!rnEle puxou a calcinha do lado e de uma sá vez meteu aquele pauzão grosso e duro na minha bucetinha…dei um gemido e sem pudor rebolei naquela pica deliciosa…meu sogro metia que nem louco e dessa vez não conseguiu se segurar e gozou como um cavalo…enchendo minha bucetinha de porra fervente…quase desfaleci de tanto prazer…aquela loucura me levara a uma excitação incontrolável e gozei copiosamente. Havia um barqueiro lá, que transportava pessoas para o outro lado do lago e ficava muito tempo a toa.