Vazou Na Web Video Caseiro Gulosa Bebada Sexo No Banheiro Por Ficante De Boa Vista – Rr

7 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

visualizações

7 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

Vazou Na Web Video Caseiro Gulosa Bebada Sexo No Banheiro Por Ficante De Boa Vista – Rr

Vazou Na Web Video Caseiro Gulosa Bebada Sexo No Banheiro Por Ficante De Boa Vista – Rr

Meu tio, cheio de ideias, sugeriu que eu fosse conhecer o pomar com Toínha, a filha do caseiro, que também estava na copa. Morava sozinho em Brasília,vim de Minas Gerais para o Distrito Federal porque tinha me separado e muito decepcionado vim tentar uma vida nova chegando na capital do país aluguei um apartamento onde morei por 2 anos só, eu com meus 37 anos pensei vou viver na solidão, amo cozinhar e no apartamento de frente morava duas mulheres a mãe e a filha, a filha tinha 19 anos e nos víamos muito pouco é somente nos cumprimentamos até que um dia fui fazer uma pizza, afinal amo cozinhar, deixei assando e desci para comprar refrigerante quando me deparei com a vizinha de 18 anos e ela me disse ta cheirando pizza e parece deliciosa pelo cheiro eu disse que estava fazendo e ela já foi pedindo um pedaço, falei que tudobem e que levaria pra ela quando terminar e resumindo bati na porta dela é entreguei o pedaço ela adorou, depois ficamos amigos e ela me disse que sua mãe era enfermeira e as vezes ficava algumas noite só, uma certa noite ela bate na porta e pergunta se pode entrar eu disse só um momento, como adoro andar de sunga dentro de casa fui colocar bermuda, ela perguntou por causa da demora e expliquei então para minha surpresa ela disse se for sunga pode ficar pq estou acostumada a ver homens assim no clube, eu disse assim melhor então ela insistiu em me ver de sunga até que fui no quarto é retirei a bermuda, percebi seus olhares para minhas coxas grossas e o volume dentro da sunga afinal sou dotado,comemos, rumos, e ela começou a dizer coisas sobre sexo e disse que era evangélica e que nunca tinha ficado com homens, e ficava falando você deve ter muitas mulheres em seu pé, eu disse que trabalhava muito as vezes tinha uma ficante porque eu não era de ferro, ela disse vou lá em casa tomar banho posso ficar aqui vendo filmes até dar sono? Porque minha mãe foi trabalhar hj é n queria ficar sozinha, eu disse que tudo bem, ela foi tomar banho e eu também aproveitei e fui banhar também, quando ela volta vem com uma saia branca tecido mole e curta, eu fiquei meio paralisado meu pau deu um pulo na sunga e ela percebeu é brincou nossa como ele ficouenorme acho que ele me quer, fiquei sem palavras, então sem perca de tempo dei um abraço nela e apertei ele no corpo dela e meu pau pulsava tanto e a beijei loucamente, ela se esfregava em mim, fiquei louco de tesão puxei até meu quarto a joguei na cama, fui beijando seu pescoço tirei sua camisa é saia e vi aquele corpo de ninfeta novinha é nem acreditava, ela olhou nos meus olhos e disse sou toda sua faça o que quiser comigo, arranquei o sutiã é chupei delicadamente seus peitinhos duro, desci beijando seu copo até chegar em sua calcinha é mordi a beirada da calcinha e fui retirando com a boca, quando olhei sua buceta nossa bem carnudinha é com pelinhos desenhado parecia um cavanhaque, subi lambendo suas coxas, e abocanhei sua buceta atirava a língua nela com vontade fiquei chupando até que ela contorceu e gemeu alto, tinha gozado em minha boca, subi beijando seu corpo beijei novamente um beijo apaixonado e mamei novamente seus peitos, a coloquei de quatro e lambida sua buceta coxas e cuzinho, beijava suas costas, enfim dei um beijo de língua, ai tirei minha roupa e quando ela viu meu pau ela ficou paralisada e disse por isso as mulheres te adora, tenho um pau lindo grande cabeça vermelha e grande sem mancha é Carocinhos, sem nenhuma deformidades todo depiladinho ela começou a mamar meio atrapalhada mas fui ensinando até que ela passou a mamar bem gostoso, ele olhava pra mim com aquele olhar de menina inocente e safada é sorria enquanto devorava meu pau, pra minha surpresa ela disse quero que goza em minha boca, como demoro gozar eu disse depois gozo, ai peguei lubrificante e passei em sua bucetinha e fiquei esfregando na entradinha é fui enfiando devagar ela começou chorar baixinho e parei, perguntei se queria que parasse ela falou tá doendo muito mas eu quero muito você, então fui beijando e fazendo movimentos de vai e vem devagar até que sentir rompendo o ímem e fiquei parado dentro dela por um tempo, ela falou em meu ouvido meu bem pode me fuder agora já não dói muito, comecei a meter com vontade e ela gemia muito eu ficava louco, coloquei ela de quatro segurei seus cabelos dava tapas em sua bunda e metia com vontade ela gozou muito depois de fazermos em várias posições, tirei meu pau ela abriu a boca e gozei muito dentro daquela boquinha e pra minha surpresa ela engoliu tudo, fomos tomar banho e ficamos deitados nos beijando e a partir daquele dia uma noite sim é outra não ela sempre vinha dar pra mim, até que após um ano mais ou menos ela arrumou namorado da igreja e se casou.

Eu decidi que usaria meu trunfo nele: sabia onde meu pai escondia revistas e mais revistas de putaria e nudez, então num momento de relativa paz (meu pai estava viajando e minha mãe assistindo novela/cochilando), eu peguei ele pela mão e disse que mostraria algo bem legal. ELA AINDA ESTAVA COM A SAINHA AZUL E A BLUSINHA ABERTA COM OS SEINHOS DE FORA, ENTÃO EU A PEGUEI NO COLO E ME NCAMINHEI PARA O NOSSO QUARTO, LÁ JOGUEI-A NA CAMA E FUI DIRETO PARA MEIO DAS COXINHAS ABERTAS DA GAROTA E COMECI A PASSAR A LINGUA NA SUA GRUTINHA JÁ UMIDA, ELA GEMIA E LEVANTAVA A BUNDINHA PARA COLOCAR A BUCETINHA NA MINHA BOCA, CHUPEI, ENFIEI A LINGUA TIVE ATÉ MEDO DE NUM ÍMPETO DE TEZÃO MORDER AQUELA BUCETINHA, NÃO ERA A PRIMEIRA VEZ QUE COMIA UMA NINFETINHA, MAS AQUELA REALMENTE ERA UM TEZÃO, COM MEDO DE FAZELA GOZAR ASSIM E NÃO PODER COME-LA COM TODO TEZÃO PAREI E ELA PEDIU QUE COLOCASSE MEU PAU EM SUA BOQUINHA, QUANDO O TIREI PRA FORA JÁ DURO COMO UMA ESTACA, ELA DEU UM GRITINHO DE SUSTO, AI COMO É GRANDE TIO, NUNCA VI UM ASSIM, SERÁ QUE CABE NA MINHA BUCETINHA, ELA É TÃO PEQUENA? CABE AMOR, COM CUIDADO E MUITO CARINHO ELA ENGOLE TUDO VOCE VAI VER, ELA O COLOU NA BOQUINHA E COMEÇOU A CHUPAR, NÃO ERA NENHUMA INOCENTE CHUPU MUITO BEM, NÃO A DEIXEI CHUPAR MUITO, POIS TAMBEM JÁ ESTAVA LOUCO DE TEZÃO, TIREI-O DA BOQUINHA E DISSE PRA ELA SE PREPARAR QUE QUERIA FUDE-LA, COMECEI ENTÃO COM UM LINGUAJAR CARREGADO POIS ISTO M DÁ MUITO TEZÃO, ABRE BEM AS PERNAS QUERIDO, QUERO ENFIAR ELE TODINHO NESTA BUCETINHA GULOSA, ALA BRIU O MAXIMO QUE PODE AS PERNAS E EU AINDA ADIMIREI AQUE RACHINHA AGORA COM OS LÁBIOS UM POUCO AFASTADOS, SUA BUCETINHA BRILHAVA EM CONSEQUENCIA DO SEUS LIQUIDOS DEPOIS QUE EU A CHUPEI, PEGUEI MEU PAU E O DIRIGI PARA AQUELA BOQUINHA FAMINTA, ENCOSTEI NOS BEICINHO E COMECEI A PRECIONAR, E FOI ENTRANDO, APERTADADA QUENTE, ELA GEMIA AI TITIO ESTÁ DOENDO, VAI BEM DEVAGARINHO É MUITO GROSSO , DEIXEI ENTRAR UM POUCO E PAREI, ESTAVA COM AS MÃOS APIADAS NO COLCHÃO AO LADO DO SEU CORPO E OLHEI SUA BUCETINHA QUE JÁ HAVIA ENGULIDO UNS 10 CM DE PICA, AI COLOQUEI MINHAS MÃOS EM VOLTA DO SEU ROSTINHO LINDO DEI-LHE UM TREMENDO BEIJO NA BOCA CARNUDA E FUI FAZENDO PRESSAÃO PARA BAIXO NQUANTO A BEIJAVA, SENTI SEU GRITO ABAFADO DENTRO DA MINHA BOCA, ELA HAVIA ENGULIDO TODO MEU PAU, OLHEI SEU ROSTINHO NENHUMA CARETA DE DOR, SUA RESPIRAÇÃO ESTAVA BASTANTE ACELERADA, PERGUNTEI TUDO BEM COM VOCE? ENTROU TUDO AMOR, QUE MULHERZINHA MARAVILHOSA QUE VOCE É, TUDO BEM TITIO AI NÃO ACREDITO QUE ENTROU TODO, DEIXA EU VER, EU ME LEVANTEI DE CIMA DELA E ELA LEVANTANDO A CABECINHA OLHOU E VIU MEU PAU TODO ENTERRADA EM SUA BUCETINHA, OLHOU UM BOM TEMPO, DEPOIS SE ATIRANDO PRA TRÁS DISSE AGORA FAZ TIO EU QUERO, COMECEI A MEXER, PRIMEIRO PUXANDO O PAU BEM DEVAGAR, SENTINDO A PRESSÃO DAS PAREDES VAGINAIS DA MENINA APERTAREM MEU PAU COMO SE NÃO QUIZESSEM DEIXAR ELE SAIR, PUXEI ATÉ QUASE A CABEÇA E AI ENTERREI NOVAMENTE, ELA GEMIA GOSTOSO, AI AI AI AI TIO AI TITIO METE EMETE TIO GOSTOSO AI QUE BOM, PODE METER TIO NÃO DÓI MAIS E COMECEI A AUMENTAR O RITMO DAS ESTOCADAS NUM VAI E VEM LOUCO, DE VEZ ENQUANDO ME DESGRUDAVA DELA PARA FICAR OLHANDO MEU PAU ENTRAR E SAIR ERA UM ESPETÁCULO LINDO, A GAROTA ERA MUITO APERTADA APONTO DE MACHUCAR MEU PAU QUE É MUITO GROSSO, EU NÃO SENTIA DOR NENHUMA SÓ PRAZER, ME MAOVIMENTAVA COMO UM POSSESSO DENTRO DAQUEGRUTA QUENTE, ELA GEMIA E PEDIA PICA, FODE TIO FODE MINHA BUCETINHA, AI TITIO NUNCA FOI TÃO GOSTOSO, EU QUERO GOZAR TITIO EU QUERO GOZAR, NÃO DEI TRÉGUA A GAROTA, COM ESTOCADAS CADA VEZ MAIS VIOLENTAS, SENTIA QUE CHEGAVA AO FUNDO, SEGURAVA SEU CORPO, E METIA SEM DÓ NEM PIEDADE, PERGUNTEI VOCE SABE MEXER AMOR, SEI TIO MAS NÃO CONSIGO, SEU PAU É MUITO GRANDE, TENTA AMOR EU GOSTO, DAR UMA REBOLADINHA, ELA TENTOU MAS A ESTACA CRAVADA BEM FUNDO DENTRO DLA NÃO DEIXOU, NÃO DEMOROU MUITO E COMEÇOU A GRITAR DIZENDO VOU GOZAR TIO METE METE METE TIO AI QUE BOM AI QUE BOM ESTOU GOZANDO AI E ME APERTOU NUM FRENESI LOUCO, TAMBEM NÃO AGUENTEI MAIS E COMECEI A GOZAR, ERA LINDO AINDA PUDE VER SEUS OLHINHOS FICAREM TOTALMENTE BRANCOS, ISTO ME LEVA A LOUCURA, SOQUEI FORTE O PAU DENTRO DELA E COMECEI A ESGUINCHAR MINHA PORRA QUENTE LÁ NO FUNDO DO SEU ÚTERO PERDI A CONTA DE QUANTAS GOLFADAS DEI NA GAROTA, QUANDO TERMINEI DE GOZAR VI QUE ELA AINDA GOZAVA, NÃO PARA TIO NÃO PARA DAR MAIS AI AI AI TITIO DEI MAIS ALGUMA FINCADAS BEM FUNDAS ATÉ QUE ELA TEVE UM ESTREMECIMENTO NO CORPO COMO PASSARO FERIDO E FICOU QUIETINHA, COM OS OLHINHOS FECHADOS, CAI M CIMA DELA E ASSIM FICAMOS UM BOM TEMPO, O PAU AINDA DURO TODO ENTERRADO NELA. Conversa vai, conversa vem até que ela fala q iria ao banheiro:– Vou no banheiro ta lindinho, já volto. Olá vim contar mais uma aventura com a mulher da minha vida, que sempre está disposta a fazer uma dessas loucuras que vou contar , pois bem , somos um casal bem fogoso na cama, adoramos o perigo e um sexo gostoso, eu sou um negro de 1,78 alt, uns 70 kls , com um corpo magro mas defidinho ,tenho um pau que considero médio, tem uns 18 cm , curvado pra cima , bem grosso e com veias saltadas e quanto maior o meu tesão mais duro fica , minha mulher e branca, com cabelos pretos e grandes até as costas , já tivemos um filho mas ela ainda está gostosa com uma bunda firme e gostosa não muito grande mas grande kk, peitos grandes e gostosos com os biquinhos marrons e pequenos, o que vou dizer agora aconteceu durante uma festa que se não me engano foi no natal do ano passado, eu estava com minha mulher ,nosso filho e minha sogra na casa de uns parentes dela numa cidade aqui de são Paulo mais afastada da capital, então tinha alem de casas ,muitas árvores e uma praça que ficava no encontro com mais duas ruas, mas era uma pracinha pequena e com muitas árvores e com uma iluminação bem fraca , então a noite era o lugar perfeito pra namorar , então depois de um tempo já na festa e bebendo um pouco, eu e minha mulher estávamos mais ‘alegres’ que o normal, ela estava com um vestido lindo que iam até acima um pouco do joelho, e tinha um cinto pequeno na cintura que deixava ela com os peitos apetitosos, eu já olhava pra ela com um desejo é tesão no olhar , ela já tinha percebido e ficava me olhando com cara de safada, meu pau já começava a endurecer e o volume ficando bem evidente, fiquei um tmp sentado pra ninguém perceber , minha mulher se aproximou de mim e disfarçadamente pegou no meu pau sobre a calça e disse que queria fuder comigo, nessa hora meu pau quase explodindo na cueca, eu então a agarrei pelo pescote dei um beijo gostoso, molhado, quente, deu pra sentir o corpo dela se esquentando, e sua bucetinha se lubrificando querendo meu pau dentro dela , dps de um tempo nos bjando, ela me convidou pra irmos na rua um pouco , fiquei meio frustrado e chateado por achar que ela tinha ‘tesourado’ nosso bjo gostoso, mas aí quando saímos da casa e fomos indo em direção a praça, percebi a malícia da idéia dela , e automaticamente meu pau foi ficando duro de novo, naquela rua tinha mais uma festinha , só que essa era comemorando um aniversário, e justamente no momento que passamos estavam exibindo em um telão uma homenagem em vídeo para a aniversariante, então não tinha ngm na rua e nem na praça,então chegamos lá e eu me encostei no canto menos iluminado e ela veio se apoiando em mim com os braços em volta do meu pescoço e eu cm as mãos na bunda dela e então começamos a nos bjar , um beijo muito excitante e cheio de tesão, minhas mãos já por baixo do vestido dela apertando as nadegas , enquanto ela viajava de tesão , o prazer e o cheiro de sexo estavam no ar , eu então coloquei a mão por dentro da calcinha dela , que estava totalmente molhadinha, então fui masturbando o grelinho dela , enquanto ela me abraçava forte forçando o corpo contra o meu , então sem ligar pra onde estávamos , abri minha calça, e tirei meu pau pra fora, ela então pegou ele segurou firme e começou uma punhetinha de leve , meu pau estava muito duro , sentia ele pulsar na mão dela , então já louco de tesão ,fui colocando a calcinha dela pro lado e forçando meu pau na entrada da bucetinha totalmente melada , até que entrou a Cabecinha, e foi entrando devagarinho o restante até que todo meu pau preencheu aquela buceta, comecei então a tirar e colocar , no início devagar e fui aumentando o ritmo e a intensidade, metendo forte e fundo enquanto ela me apertava forte seu corpo contra o meu tentando controlar o corpo quase dominado pelo prazer , eu disse no ouvido dela baixinho, que delícia te fuder assim minha putinha, sua xaninha ta toda derretida e isso ta me deixando louco, vou te fazer gozar , ela com os olhos fechados e o corpo tremendo todo enquanto eu ia fudendo sem dó a buceta dela , de vez em quando eu olhava pra rua pra ver se alguém nos observava, não via ngm então voltava a me concentrar na foda , o lubrificante natural dela escorria pelas suas coxas e então enquanto eu bombava na bucetinha, até que ela anunciou que já gozar, pouco tempo dps senti o corpo dela tremer e a buceta se contrair apertando meu pau , continuei fudendo e em seguida enquanto ela ainda estava gozando eu gozei também, foi um orgasmo gostoso e demorado , ficamos abraçados nos apertando enquanto íamos nos recuperando , aos poucos a bucetinha dela foi soltando meu pau , nos bjamos ardente e apaixonadamente, ela foi se ajeitando e eu tbm , nos abraçamos de novo e sorrimos imaginando mais essa loucura que fizemos, espero que tenham gostado esse conto foi real até o próximo pessoal.

Lambi um tempo,ela mexeu, ficou molhadinha e começou a gemer roncando eu quase gozando quando ela deu um ronco estranho e acordou bêbada com voz mole:”Vem, amor!”…eu estranhei e subi p/ mamar o peitão,mas ela diz:”É você?Eu ainda to aqui?”.